04 fevereiro 2010

 

Uma questão de inclinação

Ainda estou para saber quem foi o crânio que se lembrou de acrescentar aos sinais de subida e descida perigosa um valor de percentagem.

Aposto que a maioria das pessoas nem se dá ao trabalho de fazer contas (e muitas nem sabem) e tanto quanto eu saiba, inclinações medem-se em graus e não em percentagem.

Assim sendo, o sinal de cais ou precipício e de beco sem saída, deveriam ter a módica informação de 100%


Comments: Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?