09 fevereiro 2009

 

Lapsos de comunicação - I

Este Sábado, após ter estacionado o carro, dirigi-me para o parquímetro e deparei com a seguinte informação:
“... apenas nos dias úteis ...”

Não sei se devido ao cansaço, ou ao alheamento extremo de que sofro ao fim-de-semana, fiquei alguns segundos a tentar compreender o que são dias úteis.

Apesar de o senso comum se impor e dizer-me que Sábado não era considerado dia útil, algo em mim insistia teimosamente em considerar o Sábado com um dos dias mais úteis da minha singela existência. O problema é que quanto mais pensasse, mais reforçava a minha ideia.

Não seria conveniente esclarecer este mal entendido?
Não devia ser abolido por completo a definição de dia útil, uma vez que esta definição cabe à interpretação de cada um?

O tema massacrou-me tanto, que mal pude fui pesquisar e descobri a definição para dia útil:
“Dia útil é todo aquele em que se efectue a distribuição do correio”

OK fiquei mais tranquilo, mas apenas por breves segundos...
Sendo o nosso país todo virado para as modernices, em que cada vez mais é utilizado o e-mail em substituição da distribuição tradicional do correio (até já as facturas electrónicas nos são enviadas por e-mail), será que vão passar a considerar todos os dias como dias úteis?
Ora, assim sendo e mantendo a minha lógica (muito pessoal, é certo), vou ficar sem dias úteis?!?
Estou baralhado...


Comments:
tens toda a razão, os únicos dias uteis são aqueles que dedicamos a nós
 
tem graça, eu penso da mesma forma e luto constantemente pela semana com 3 dias úteis
 
Bem pensado :)

Por acaso para mim o Sábado também é um dia muito mais útil que os outros...
 
Há algum tempo fui confrontado com uma expressão ainda pior que essa: "24 horas úteis". Considerando que normalmente se consideram úteis os períodos/dias de trabalho, quando fazemos esta conversão, 24 horas constituem 3 dias (para quem trabalha 8 horas por dia). Estou como tu... confuso!
 
Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?