11 abril 2008

 

Jorge Mota & Coelho Engil, Lda


Nunca gostei deste fulano e menos ainda de o ouvir falar.


Para mim sempre representou o expoente máximo da sabujice, conseguindo afirmar que o branco é preto (e vice versa) mesmo na presença de Cristo (caso este existisse e tivesse vindo à terra), porque para ele amo e senhor só há um, desde que este seja do PS e ocupe o poder.


Mas se alguém tem dúvidas que ser-se político dá lucro a médio prazo, não precisa esperar por melhor exemplo que este, que classifica irremediavelmente o nosso país de 3º mundista e onde a corrupção tende a ser a actividade mais honrada da nação. Não é que este senhor o seja ou venha a ser, mas tanto ele como os accionistas da Mota-Engil dão certamente mais valor a outros atributos, que a competências técnicas e curricula reconhecidos.


Este senhor, se tudo o que está previsto se confirmar, irá chefiar a comissão executiva da Mota-Engil.

Este mesmo senhor já foi ministro do Equipamento Social.

Este mesmíssimo senhor teve como seu secretário de Estado das Obras Públicas Luís Parreirão, que é actualmente um dos administradores da Mota-Engil.


Tendo em atenção obras como o novo aeroporto de Lisboa, a nova travessia do Tejo, o TGV, mais concessões rodoviárias, E CONTACTOS NO GOVERNO, até eu consigo definir um plano estratégico. De estranhar seria se a Mota-Engil se dedicasse à plantação de bananas nos próximos tempos.


Interessante é questionar se Portugal necessita mesmo de um novo aeroporto ou de um TGV, pois certo seria que este (e outros senhores) não teriam tachos tão apetecíveis.


Para dar tranquilidade à minha cabecinha, vou-me refugiar na ficção e ver um filme de terror. Por vezes tenho necessidade de rir e a realidade é que me assusta.


Comments:
Espero que não tenhas razão, mas é muito difícil não te a dar
 
Passo para deixar um beijinho hindyado.
 
Gosto sobretudo da história relativa ao Ferreira do Amaral. Enquanto ministro adjudicou a obra da ponte Vasco da Gama à Lusoponte, empresa da qual é o actual presidente do conselho de administração. Para além da adjudicação daquela obra, destaco a lei criada pelo próprio, segundo a qual todas as pontes construídas a montante desta terão de ser adjudicadas à Lusoponte. Se isto não é corrupção, tráfico de influências ou especulação, alguém me pode dizer o que é?
 
Desde que "impoluto" disse:
-Quem se mete com o PS leva!
Nunca mais parou de dar explicações ao que pretendeu dizer.
Já o outro papalvo nos impigia:
-A justiça tarda mas não falta
Este e no mesmo lema diz:
-O tacho demora mas aparece.
Todos iguais.
 
PARA QUE A PLEBE SAIBA:

Fernando Nogueira:
Antes -Ministro da Presidência, Justiça e Defesa
Agora - Presidente do BCP Angola

José de Oliveira e Costa:
Antes -Secretário de Estado dos Assuntos Fiscais
Agora -Presidente do Banco Português de Negócios (BPN)

Rui Machete:
Antes - Ministro dos Assuntos Sociais
Agora - Presidente do Conselho Superior do BPN; Presidente do Conselho Executivo da FLAD

Armando Vara:
Antes - Ministro adjunto do Primeiro Ministro
Agora - Vice-Presidente do BCP

Paulo Teixeira Pinto:
Antes - Secretário de Estado da Presidência do Conselho de Ministros
Agora - Presidente do BCP (Ex. - Depois de 3 anos de 'trabalho', Saiu com 10 milhões de indemnização !!! e mais 35.000€ x 15 meses por ano até morrer...)

António Vitorino:
Antes -Ministro da Presidência e da Defesa
Agora -Vice-Presidente da PT Internacional; Presidente da Assembleia Geral do Santander Totta - (e ainda umas 'patacas' como comentador RTP)

Celeste Cardona:
Antes - Ministra da Justiça
Agora - Vogal do CA da CGD

José Silveira Godinho:
Antes - Secretário de Estado das Finanças
Agora - Administrador do BES

João de Deus Pinheiro:
Antes - Ministro da Educação e Negócios Estrangeiros
Agora - Vogal do CA do Banco Privado Português.

Elias da Costa:
Antes - Secretário de Estado da Construção e Habitação -
Agora - Vogal do CA do BES

Ferreira do Amaral:
Antes - Ministro das Obras Públicas (que entregou todas as pontes a jusante de Vila Franca de Xira à Lusoponte)
Agora - Presidente da Lusoponte, com quem se tem de renegociar o contrato.
etc etc etc... como o traidor Pina de Moura e agora o Coelhorum

O que é isto ?
- Não, não é a América Latina, nem Angola. É Portugal no seu esplendor .

cunha ?
gamanço ?

...e é este mesmo ESTADO que quer que se declarem as prendas de casamento e o seu valor ! Não é acintoso? Ultrajante mesmo? Pois... Ouvi uma vez que 'quem elege, é quem derruba', mas, pelos vistos, a nós, português, faltam-nos as forças. Por isso, só reclamamos e choramos e fazemos postes como este.
 
Anónimo das 10.01:
Não é a mesma coisa.
Coelho negociou como ministro mais de mil milhões de € de concessões SCUT com a empresa que vai administrar.
Alguém se deu ao trabalho de verificar se o valor da concessão está correcto? Ou a empresa foi beneficiada?
Esta é q é a questão!!!
 
Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?